Gozei no pau do meu primo – Meu conto erótico

Todos sabem que é errado, mas me deixava muito excitada só de pensar que poderia me entregar àquele primo que tanto admirava. Desde que fiz 18 anos meu primo começou a me olhar de uma forma diferente, provocando-me muitas vezes com carícias e palavras.

Meu desejo aumentou gradativamente, e eu também comecei a provoca-lo, e quando percebi, já estávamos nos beijando. Quando ele me soltou, eu já estava completamente molhada de tesão.

Gozei no pau do meu primo

Ele começou a me beijar com mais vontade e a passar as mãos em minhas costas, deslizando para dentro da minha blusa. Eu tremia de tanto tesão e queria sentir o pau dele.

Então eu desci a mão até encontrar o volume quente e poderoso entre suas pernas. Ele estava duríssimo e eu já me sentia arrepiada só de tocar.

Ele abriu o zíper da minha calça e logo a boca dele estava comandando meu corpo. A língua dele entrava delicadamente em mim. Enquanto metia a língua dentro de mim, ele ia deslizando os dedos entre nossos corpos.

Foi então que ele me colocou de quatro e, na mesma posição, senti o pau dele entrar lentamente dentro da minha buceta. O calor embrasurecia meu corpo enquanto ele se movimentava dentro de mim.

E ele se movia cada vez mais rápido e forte, gemendo minha nome a cada movimento. Eu desesperada de prazer, deslizava minhas mãos pelo colchão segurando firme.

Senti cada movimento dentro de mim, como se fosse chamar aquela sensação de gozo que já estava subindo até minha garganta. E então ele fez um movimento e soltei um gemido tão alto que ele mesmo parou.

Eu explodi em um orgasmo tão intenso que eu não conseguia mais ter controle. Quando ele sentou que eu estava chegando ao ápice do prazer, ele ainda bombava mais rápido e forte dentro de mim.

O meu ápice foi tão intenso que eu mal conseguia controlar meus gemidos, que vinham de uma profundidade tão grande, que me deixava ainda mais excitada.

E então ele entrou cada vez mais dentro de mim e eu senti um calor quente invadir meu ventre e eu quase desmaiei. Foi então que gozei no pau do meu primo.

Foi uma sensação tão intensa que me pareceu que todo o meu corpo estava sendo preenchido por aquela sensação de prazer.

Depois de alguns minutos, ele desabou ao meu lado, e eu pude sentir que os dois estávamos exaustos e satisfeitos.

Nós passamos a noite toda abraçados, e quando acordei de manhã, senti que aquela noite tinha sido apenas o começo de muito mais. Porque eu sei que agora eu vou querer mais e mais e sempre que me lembrar de quando gozei no pau do meu primo, vou me sentir arrepiada toda vez.

O que você achou desse conto erótico?

Clique nas estrelas

Média da classificação 4.5 / 5. Número de votos: 2

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este conto.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

free web tracker