Comi a cabeleireira da minha mulher

Eu não sei ao certo o que me deu a coragem de comer a cabeleireira da minha mulher, mas eu realmente queria. Eu estava casado há alguns anos e meu desejo por outras mulheres nunca havia passado. Eu fui vê-la para o meu corte de cabelo mensal e ela me chamou a atenção. Ela era muito bonita e tinha um corpo muito atraente.

Eu não podia tirar os meus olhos dela. Ela estava usando um vestido preto curto e uma camisa branca que realçava seus seios. Não havia nada que eu quisesse tanto naquele momento, como tocar aqueles seios. Eu estava tão excitado que eu mal conseguia ficar parado.

Eu não conseguia tirar os meus olhos dela e ela notou. Ela sorriu para mim e eu soube que ela estava interessada em mim. Esta era a minha chance. Eu estava prestes a comer a cabeleireira da minha mulher.

Eu me levantei e fui para trás da cadeira. Ela me deu espaço para me sentar. Ela então começou a me pentear. Como eu estava sentado tão perto dela, eu podia sentir o seu perfume e o calor do seu corpo.

Comi a Cabeleireira da Minha Mulher

Eu sabia que estava me aproximando a cada segundo. Ela gentilmente acariciou meu couro cabeludo enquanto penteava meu cabelo. Eu não conseguia me controlar. Eu estava realmente excitado.

Eu não aguentei mais e me virei para ela. Aproximei meu rosto do dela. Ela não se afastou. Eu a beijei e ela correspondeu. Ela me abraçou e me puxou para o seu quarto.

Lá dentro, ela se despiu e eu a admirei. Ela era realmente bela. Ela me beijou novamente, mais profundamente desta vez. Eu deslizei minha mão por seu corpo nu e ela gemeu de prazer.

Eu a puxei para cama e ela se deitou. Eu comecei a beijar seu corpo e ela gemia cada vez mais alto. Eu desci para sua barriga e ela se contorcia de prazer. Ela me pediu para chupar seu clitóris.

Eu fiz o que ela pediu. Eu chupei seu clitóris com tanta vontade que ela gritou de prazer. Eu então me levantei e ela se sentou. Ela me abraçou e me beijou mais uma vez.

Eu então desci para sua intimidade. Eu me abaixei e comecei a lamber seu grelo. Ela gemia e se contorcia de prazer. Eu estava adorando aquilo. Eu sabia que ela estava quase lá.

Eu então me ajoelhei e penetrei nela. Ela gritou de prazer. Ela me puxou para cima dela e nós começamos a nos beijar apaixonadamente. Eu me movia dentro dela com tanta paixão que ela estava literalmente enlouquecendo.

Ela então veio e eu senti o seu corpo inteiro se contorcer de prazer. Ela me abraçou e me beijou. Eu também gozei. Nós nos deitamos um ao lado do outro e eu a abracei.

Eu estava satisfeito com o que acabara de fazer. Eu havia realmente comido a cabeleireira da minha mulher. A experiência foi incrível e eu não me arrependo. Eu sei que nunca vai acontecer de novo, mas eu ainda me lembro daquele dia com muito carinho.

O que você achou desse conto erótico?

Clique nas estrelas

Média da classificação 3 / 5. Número de votos: 2

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este conto.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Manga Hentai - Porno Amador - SuperHQ - Hentai - Quadrinhos Eróticos - Quadrinhos Eroticos - Hentai HQ - Super Hentai - Fotos Porno