Dei minha xota pro guarda de transito não me multar

Dei minha xota pro guarda de trânsito não me multar. O que você faria se teu pai te desse o carro novinho dele pra você dar um role e você esquecesse a carteira e fosse multada? Eu acabei entrando em desespero e fiz algo que me arrependi depois, não vou mentir. Mas não foi de tudo ruim, porque o sexo realmente foi gostoso e a experiencia deu esse conto erótico que estarei contando aqui agora pra você. Me chamo Joana, tenho 19 anos e um dia de domingo a tarde eu estava dando um role no carrão novinho do meu pai. Ele tinha comprado esse carro há exatos 3 dias e eu acabei saindo rápido e esqueci minha carteira.

Pra completar eu ainda estava bebendo uma latinha de cerveja. Eu achei que iria ser de boas e nem lembrei da carteira, ai um guarda de trânsito parece que estava com inveja da minha vida boa e resolveu me parar. Ele estava sozinho em um carrinho bem velho, ele me pediu os documentos e depois a carteira. Os documentos eu tinha, mas a carteira ficou em casa, expliquei tudo pra ele e o safado riu de mim. Disse que estava tendo um péssimo dia, mas que o meu estaria prestes a ser pior. Me pediu pra sair do carro, já foi fazendo uma multa e ainda disse que iria ter que chamar o guincho. Nesse momento eu surtei, meu pai iria me deixar de castigo porque ele me encheu o saco para pegar a carteira porque ele nem queria me emprestar o carro.

Eu que fiquei enchendo o saco dele pra me deixar andar em seu carro novo. Nesse momento eu já tirei a carteira do bolso e tinha 200 reais, dei pra ele e o safado jogou no chão, pisou e rasgou todo o meu dinheiro. Disse que não era corrupto e que eu estava fodida por ter tentado suborná-lo. Ai que eu fiquei desesperada porque ai sim o meu castigo seria mil vezes pior. Então tive que usar a minha arma feminina, como sou uma jovem ruivinha de apenas 19 aninhos iria ter que usar isso a meu favor para sair daquele cilada. Fui abrindo a minha blusa polo da lá lá e mostrando uma parte de meus peitos pra ele. Disse que estava quente demais e que no meu carro tinha ar-condicionado.

O safado fez uma cara de tarado, abriu um sorriso e entrou no carro. Eu fiquei completamente nervosa e bem arrependida do que estava prestes a fazer. Mas rapidamente lembrei que não tinha outro jeito, porque eu não poderia deixar guinchar o carro. So que ele era bem feio, moreno de uns 40 anos eu iria ter que foder com esse cara. Ele veio já tirando o pau pra fora e falando que rasgaria a multa e me deixaria ir embora sem nenhum problema se eu fodesse rapidinho com ele.

Então não teve jeito, era essa a única solução, eu perguntei se eu desse muito mais dinheiro ele aceitaria. Mas o safado disse que depois que eu ofereci essa alternativa de sexo, dinheiro nenhum pagaria isso porque ele sempre quis foder uma ruiva. Então veio com a pica e me pediu pra mamar, meia com nojo eu tive que chupar o pau dele e fui mamando bem lentamente e ele segurando meus cabelos ruivos dizendo que estava realizando uma fantasia de jovem. Depois disso fomos para o banco de trás, eu tirei meu shortinho e fiquei empinadinha deixando ele me chupar. O safado realmente sabia o que fazer com a boca porque eu comecei a gostar das lambidas dele.

E fui vendo que bonito ou feio não importa, o negócio é foder gostoso. E aquele velho safado ele sabia como foder gostoso. Depois de me chupar intensamente eu fui sentando no pau do malandro e ele começou a macetar gostoso a minha xota. Ainda me pegou de quatro e nesse momento eu pirei. Ele me dava bombadas bem fortes, o folego dele era infinito e parecia uma metralhadora de tantas bombadas que ele me dava. Eu acabei gozando antes dele e fiquei bem surpresa com o que tinha acabado de acontecer. Até passei meu número pra ele porque aquelas pirocadas eram realmente muito boas. Como resultado disso eu pude voltar pra casa com o carro novo do meu pai e sem nenhuma multa. Apenas uma bucetinha completamente esfolada e uma boa história pra contar.

O que você achou desse conto erótico?

Clique nas estrelas

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 1

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este conto.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *