Prima tesuda transou comigo

Eu sempre tive uma grande queda pela minha prima. Ela era tesuda, com seus cabelos cacheados e seu corpo curvilíneo. Ela era tudo o que eu mais queria numa mulher, e eu não podia resistir à tentação de querer algo mais com ela.

Nunca tivemos nenhuma intimidade, exceto por uns abraços e beijos quando éramos crianças. Mas aos poucos, isso começou a mudar. Sempre que nos encontrávamos, eu sentia um calor intenso dentro de mim e ela também parecia sentir o mesmo.

Um dia, quando ela veio me visitar, ficamos conversando por horas. Não lembro o que falamos, mas lembro-me que ela ficou ficou me olhando de forma diferente. Então, lentamente, ela se aproximou de mim e começou a me beijar. Foi como se eu estivesse em outro mundo. Seu beijo era tão quente, tão intenso que eu não conseguia resistir.

Nós nos separamos e ficamos nos olhando por um longo tempo. Eu estava tão excitado que não conseguia pensar em nada. Então, ela murmurou: “Quer me dar um pouco de carinho?”. Eu não conseguia acreditar no que estava acontecendo. Queria muito, mas não queria que ela pensasse que eu era um pervertido, então eu disse que sim.

Então, ela me levou para o seu quarto. Estava tudo escuro e havia um cheiro suave de incenso. Ela me olhou com desejo e começou a me beijar. Seus lábios estavam tão macios e quentes que eu não conseguia resistir.

Ela começou a me abraçar e a tirar minha roupa. Eu estava tão excitado que mal conseguia me mexer. Ela começou a beijar meus ombros, meu peito e meu abdômen. Ela estava me fazendo sentir algo que eu nunca havia sentido antes.

Eu estava tão envolvido com sua prima tesuda que não conseguia parar. Ela me beijou com tanta paixão que eu perdi a noção do tempo. Então, eu comecei a beijar seu pescoço e sua boca. Ela estava tão quente e molhada que eu queria mais. Ela começou a me masturbar e eu comecei a gemer de prazer.

Ela me deitou na cama e começou a tirar sua roupa lentamente. Ela estava completamente nua e eu não conseguia acreditar na beleza que tinha diante de mim. Ela se deitou sobre mim e começou a me beijar novamente.

Eu queria tanto aquela prima tesuda que eu não conseguia parar. Ela começou a me beijar e a me acariciar. Ela então se moveu para cima e para baixo e começou a cavalgar em mim. Foi uma sensação tão boa que eu quase gozei.

Eu comecei a me mover para cima e para baixo, mexendo meu quadril para acompanhar os seus movimentos. Ela gemia de prazer enquanto me beijava. Eu não conseguia mais controlar meu desejo e então gozei.

Depois disso, nós nos abraçamos por um longo tempo. Eu estava tão feliz e satisfeito que mal conseguia acreditar no que tinha acontecido. Eu estava tão feliz em ter encontrado o amor com minha prima tesuda.

O que você achou desse conto erótico?

Clique nas estrelas

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este conto.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *