Patroa Chupa Empregada – Uma noite de Sexo Inesquecível

Eu quero te chupar minha safada. Quando essas palavras saíram da boca de minha patroa, não consegui acreditar. No começo achei que tinha entendido errado, mas, quando ela se aproximou de mim, eu soube que ela estava falando sério.

Minha patroa é linda, cabelos longos, pele morena, lábios carnudos e corpo escultural. Eu estava totalmente envergonhada, com medo de rejeita-la, mas ao mesmo tempo, excitada por ver aquela mulher linda querendo me beijar.

Ela me beijou na boca, com vontade, enquanto suas mãos delicadas acariciavam meu corpo. Senti seu calor, sua pele macia, sua respiração ofegante. Ela foi descendo aos poucos, parando em minha barriga, e quando ela chegou a minha calcinha, eu já tremia de tesão.

Patroa Chupa Empregada

Ela começou a me chupar de forma suave e carinhosa, mas com cada segundo ela foi se tornando mais e mais enérgica. Ela me chupava, me lambia e me beijava, fazendo meu corpo se contorcer de prazer.

Eu gemia de prazer, enquanto ela me chupava e me fazia delirar. Meu corpo estava molhado de tesão, e minha patroa não parava de me chupar. Ela passava sua língua em todos os meus lugares mais sensíveis, me fazendo gemer alto.

Ela me chupava com voracidade, como se estivesse faminta por mim, me levantando ao ponto do orgasmo. Quando eu gozei, eu gemi alto e meus músculos se contraíram, me fazendo tremer de prazer.

Depois que me recuperei, minha patroa me pegou no colo e me levou para o quarto. Ela me colocou na cama e começou a me beijar, enquanto suas mãos percorriam meu corpo. Ela me beijou por todos os lugares, enquanto suas mãos buscavam minha buceta.

Ela começou a me acariciar, me fazendo sentir um prazer ainda maior. Ela me penetrou com seus dedos, me fazendo gemer cada vez mais alto. Ela me chupou e me beijou por todos os lados, me fazendo delirar de tesão.

Minha patroa então começou a me penetrar com seu pau. Ela me fodia lentamente, com movimentos firmes, me fazendo sentir cada vez mais prazer. Ela me penetrava com força, enquanto eu gemia e me contorcia de prazer.

Ela me fodia com cada vez mais força, me levando ao ápice do prazer. Eu gozava e ela ia acelerando, me fazendo gozar mais e mais. Ela me fodia cada vez mais rápido, enquanto eu me contorcia de prazer, até que ela também gozou.

Depois desse dia, nossa relação nunca mais foi a mesma. Aquela noite marcou o começo de uma história de aventura e prazer, que ainda continua até hoje. Patroa Chupa Empregada foi a nossa primeira experiência juntas, mas não foi a última. É uma noite que eu jamais esquecerei.

O que você achou desse conto erótico?

Clique nas estrelas

Média da classificação 3.6 / 5. Número de votos: 20

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este conto.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *