Gozando dentro do cu da morena

Eu já havia me apaixonado por ela no primeiro momento em que a vi. Desde então, eu não conseguia parar de pensar nela. A morena alta, cabelos cacheados, lábios carnudos, corpo gostoso e curvas maravilhosas. Não me aguentei quando ela me disse que queria me conhecer melhor.

Pouco tempo depois estávamos deitados com nossas roupas espalhadas pelo chão. Assim que nos beijamos, tudo virou desejo, paixão e desejo. Ela me olhava com aqueles olhos de quem queria muito aquele momento. Comecei a beijar todo o seu corpo, a sua barriga, o seu seio e a sua buceta. Ela gemia como se estivesse no paraíso.

Fui descendo minha boca na parte de trás, beijando sua bunda, e foi aí que decidi que queria gozar dentro do cu da morena. Coloquei um dedo para prepará-la e ela se abriu completamente para mim. Meu pau latejava e eu só esperava para entrar dentro dela.

Gozando dentro do cu da morena

Enquanto penetrava devagar, ela gemia, ria e soluçava. Seu olhar de desejo me deixava ainda mais excitado. Quando ela entrou toda e me senti completamente dentro dela, comecei a me mover devagar, cada vez mais rápido e profundo. Quanto mais movia, mais ela gemia de prazer.

Até que, finalmente, cheguei no ápice. Ela se contorceu de prazer enquanto meu pau pulsava forte. Com cada estocada, eu sentia meu orgasmo se aproximando e, quando finalmente gozei dentro do cu da morena, era como se tivesse entrado no paraíso.

Uma onda de satisfação me envolvia e eu só queria continuar ali eternamente. Ela me olhou e sorriu, e eu pude ver o quanto ela estava satisfeita. Não conseguimos mais parar de nos beijar, mas a gozada já havia acontecido e não poderíamos mais recuar.

Depois de um tempo, vestimos nossas roupas pensando no que havia acontecido. Eu a beijei pela última vez e a deixei em casa em segurança. Ainda não consigo acreditar que realmente gozei dentro do cu da morena e que senti todo aquele prazer incrível. Naquele momento, entendi que nossos corpos estavam perfeitamente sincronizados. Foi a melhor coisa que já senti.

O que você achou desse conto erótico?

Clique nas estrelas

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 4

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este conto.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *